Ministério Advento FC realiza primeira viagem missionária

O objetivo é este: Levar esperança a todos os continentes. O Advento Futebol Clube: Gol & Missão é um ministério evangelístico organizado para levar a palavra de Deus a atletas e ex-atletas profissionais no Brasil e em outros países. A primeira viagem do ministério teve como destino a Angola.

O grande propósito
O Advento FC, como principal objetivo, realiza eventos evangelísticos para jogadores e ex-jogadores profissionais visando o seu bem estar físico e espiritual. Além disso, promove jogos comemorativos, beneficentes e promocionais sem fins lucrativos. Em todos os eventos, distribui gratuitamente literaturas que falam sobre esperança e a breve vinda de Jesus. Após as partidas, é realizado um culto de gratidão e dedicação à Deus. Segundo o ex-jogador e atual pastor Cirilo Gonçalves, líder do projeto, essa é a parte mais importante.

O Advento FC é um ministério voluntário e de apoio à Igreja Adventista do Sétimo Dia, se baseia na visão do “Meu Talento, meu Ministério”. No grupo de ex-atletas profissionais existem pastores, administradores, professores, empresários, advogados, psicólogos, comerciantes, etc. Cada um coloca o seu talento a serviço desse ministério. Boa parte do grupo não é membro da Igreja Adventista.

Destino: Angola!
“Cada ano a gente entra em um continente, até alcançarmos todos”, afirma com alegria o Pr. Cirilo Gonçalves. O sonho não é pequeno, mas ainda assim não está longe de se realizar. O primeiro continente foi escolhido: África. No dia 12 de agosto, 27 membros do Advento FC embarcaram para a Angola com o intuito de fazer a diferença nas cidades de Benguela e Lobito.

Já nos primeiros dias, a realidade de um país pobre e carente despertou sentimentos diferentes no grupo. “Estávamos reunidos na praia Bahia Azul e o Pr. Cirilo começou a falar algumas palavras, passagens que falavam de um Jesus que andou sobre o mar com Pedro. Depois dessa reflexão, tivemos um momento bem marcante”, conta Bruno Guerra, jornalista e administrador. Assim que o pequeno culto terminou, o grupo saiu para retornar à cidade e avistou uns meninos jogando bola num campo poeirento e cheio de imperfeições. A bola era uma junção de sacolas, até dar o tamanho de uma de verdade. Em volta dela, haviam barbantes para que as sacolas ficassem firmes. Foi o primeiro contato com uma comunidade de extrema pobreza.

Vanderlei Fernandes Silva, mais conhecido como Derlei, ex-futebolista luso-brasileiro atacante, foi o primeiro a tomar iniciativa e jogar com os meninos naquele campo de terra vermelha. “Meu sentimento foi de realização, cumprimento da missão. Sentir um abraço daqueles garotos, ver o sorriso no rosto de cada um é o retorno do amor Divino partilhado”, comenta Derlei. O jogo improvisado no campinho com os meninos de rua foi considerado por todos o mais emocionante realizado em Angola. Em poucos minutos as famílias começaram a sair dos barracos. Após a diversão, o Advento FC reuniu todos que estavam no local e falou do amor de Jesus.

Além do espiritual, o Advento FC promoveu ações para distribuir alimentos, roupas e outras necessidades físicas locais. Várias comunidades carentes foram visitadas pelo grupo e impactadas pela ajuda fornecida. Uma dessas visitas foi à um bairro, localizado no lixão. Os moradores vivem do que conseguem pegar do lixo, constroem barracas e se alimentam a partir do lixão. Cerca de 80% daquela comunidade, para surpresa do grupo, é Adventista do Sétimo Dia. O coral de crianças presenteou o Advento FC com uma canção local.

Por outro lado, o Advento também visitou uma comunidade desafiadora. A vila Dombe Grande é conhecida por abrigar feiticeiros poderosos. O grupo não foi autorizado a entrar, mas orou pelo bairro e deixou uma oferta significativa para a Igreja Adventista que foi construída logo na entrada.

Respeito e bom futebol
Um dos propósitos do Advento FC é evangelizar jogadores e ex-jogadores de futebol, através de partidas amistosas e respeitosas. Durante a missão em Angola, o grupo pode treinar com o time máster do Nacional de Benguela e participar de um torneio com três times locais: 1° de maio, Nacional de Benguela e o time de Lobito. O Advento aceitou participar deste torneio para ter a oportunidade de falar de Deus para essas pessoas.

Após a partida, um culto foi realizado com todos os participantes. Os times de Benguela e Lobito se identificaram muito com os princípios do Advento, um futebol com respeito. Ao final, os brasileiros foram chamados de irmãos.

O atleta Cipriano Kumba Mona, jogador do time 1° de maio, afirma que a visita do Advento FC foi uma benção. “Seremos eternamente gratos por tudo quanto vocês fizeram por nós. Que deus abençoe vocês! Obrigado A.F.C!”, agradece Mona.

Corações satisfeitos
Todos os dias, assim que encerravam suas atividades, era realizado um culto para o grupo. Para Elizeu Ferreira Marciano, ex-futebolista profissional brasileiro, esse era um momento de extrema importância. “Marcou bastante a minha vida. Pude ouvir alguns testemunhos dos próprios atletas que estavam compondo nosso grupo. Foi um momento que tirei muito proveito junto com os companheiros”, declara Elizeu. Alguns que participam do Advento não são adventistas e através desses cultos puderam aprender sobre Apocalipse e o fim dos tempos.

Os dez dias foram um misto de “alegria e tristeza”, como afirma Derlei. Tristeza ao se deparar com uma realidade tão diferente e carente, mas alegria por acreditar na breve volta de Jesus e por ter, de alguma forma, contribuído com isso.

A primeira missão do Advento FC impactou a vida do grupo. “O advento agora ganhou um significado diferente pra mim. Mudou minha rotina, consolidou amizades e me deu a oportunidade de compartilhar aquilo que Deus me proporcionou”, completa Elizeu. Ao retornar ao Brasil, o Pr. Cirilo Gonçalves ressalta a alegria estampada no rosto de cada um dos membros. “No rosto e nos olhos de cada um havia uma alegria muito grande, sabe? Como líder eu me senti realizado em ver que o meu grupo estava realizado. Me senti feliz ao ver o grupo em paz por ser usado por Deus nessa obra de evangelização”, conclui o líder.

O grupo afirma estar animado para a próxima missão. O sentimento é de continuidade a esse projeto especial, para que a obra com atletas e ex-atletas possa acontecer em todas as partes do mundo.

Agradecimento especial
Um agradecimento especial ao Dr. Milton Afonso, da Golden Cross, que nos recebeu em seu escritório no Rio de Janeiro aceitando conhecer o Ministério Advento FC Gol e Missão. O Dr. Milton abraçou o desafio de ir a Angola, realizar a obra evangelística às comunidades carentes, às igrejas, aos homens públicos locais e aos esportistas. Após a apresentação da nosso ministério, aceitou financiar integralmente o projeto. Esse agradecimento estende-se, também, às suas secretárias Laura e Ester pelo assessoramento. "Serei eternamente grato a esse homem de deus pelo que fez ao advento dando o start para as suas grandes vitórias futuras”, agradece o Pr. Cirilo Gonçalves.

Comentários Facebook

Siga-nos